Candidatos da nova eleição em Ipatinga

Eleição em Ipatinga
Eleição em Ipatinga

Após nove meses de turbulência política, especulações e indignação no coração do ipatinguense que não teve o seu voto respeitado devido à incompetência e a morosidade da justiça brasileira, que permite a candidatura mas veta o exercício do cargo, enfim renasce o sentimento de democracia no coração do Ipatinguense. Após o prefeito eleito Chico Ferramenta ser caçado um dia antes da posse, o segundo colocado nas eleições, Sebastião Quintão, assumir a prefeitura e ser caçado, o presidente da câmara de vereadores ficar interinamente com a chefia da Prefeitura de Ipatinga, enquanto julgamentos e mais julgamentos aconteciam nas mais variadas instâncias da justiça. A eleição extemporâneas deve mesmo acontecer no dia 18 de outubro de 2009, se as ações protocoladas por Ferramenta e Quintão pedindo o cancelamento da mesma enquanto seus casos não são julgados em última instância não forem aceitas. E será a maior já realizada em Minas.

Depois de muitas discussões, reuniões e algumas surpresas, os candidatos por ordem alfabética são: Lene Teixeira e Ivo José, do PT; Robson Gomes, do PPS, e Pastora Márcia, do PSC; Rosângela Reis, do PV e Dr. Inácio, do PP. Sebastião Quintão tentou ser candidato ao lado de Altair Vilar, mas teve sua candidatura indeferida pela Justiça Eleitoral.

Acompanhe os próximos posts sobre a eleição em Ipatinga. Cada dia traremos uma reportagem sobre cada candidato para que o eleitor faça a melhor escolha, sempre em favor de toda a população.

(texto feito por Hycaro Luna sob supervisão de Marco Túlio)

3 comentários sobre “Candidatos da nova eleição em Ipatinga”

  1. É realmente uma situação caótica, mas nada que já não tenhamos visto semelhante no Senado. Eu ainda não entendo pra quê colocar voto obrigatório, se eles não fazem nem a obrigação de respeitar o voto da população. Democracia? Se eu votasse, seria nulo. E não me falta motivos pra tanta desmotivação como ocorre em Ipatinga. Parabéns pelo texto Hycaro, que mesmo a distância está muito mais bem informado do que eu que moro aqui.

  2. Prezados, a informação que vocês estão passando está incorreta. Quintão e Vilar não tiveram sua candidatura impugnada. O MP entrou com um pedido de impugnação que ainda não foi julgado. Afinal eles sequer apresentaram defesa, não há como ele estarem impugnados. Aliás, assim como eles, hoje também foi feito pedido de impugnação tanto contra a Rosângela Reis, como contra o Robson. De todo modo, parabéns pela iniciativa.
    Um abraço

  3. A cituação do povo de Ipatinga e cada dia mais complicado, a gente não sabe o que ira acontecer, os candidatos querem ganhar com pedidos de impugnação e não no voto. Não sou a favor de quem esta devendo participar das eleições mas tambem não quero injustiça. A coisa ta tão feia que até a OAB vai reabrir o comitê de moralização do voto. Des de ja agradeço a oportunidade e dou parabéns pelo espaço criado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *