Campus Blog: o embate da mídia tradicional com a digital, só tem jornalista!

Leia este post e imaginem ser o Arnaldo Jabor falando, não sei porque, mas assim fica mais legal. E se ele tem uma entrada grande na mídia de massa, porque não?

O WordPress é a melhor ferramenta para blogs no mercado. Isso, segundo imensas pesquisas e Rankings em que a ferramenta ganha disparado. Mas na CampusParty não teve nada sobre o software, apenas pessoas que se encontraram por fora para conversar sobre o assunto.

A mídia tradicional que migra agora para a digital, já pensa que é blogueira. Mas a verdade, é que a imensa maioria, dos palestrantes, ainda tinha blogues, pasmem, do blogspot ou do wordpress(ponto)com. Eles não sabem o que é medição de audiência, conhecem apenas pesquisas da IBOPE, e o que é page rank e Technorati! Eles vêm falando um papo estraho da faculdade que acham ser a teoria por trás da internet, mas nem sabem falar inglês direito! Tudo que sabem são de matérias escritas em português em revistas daqui, ou na Globo. Duvido que mais de 100 pessoas da Cparty conheçam a SmashingMagazine e a acompanham diáriamente para descobrir como fazer qualquer coisa na área de produção multimídia.

Queria dizer também, que lamento os muitos erros de português que este post deve ter, pois acabo de voltar na área dos Boêmios, portão 3 sempre a esquerda.

Quem quiser saber realmente o que é ser blogueiro sigam: http://twitter.com/maikelneris, http://www.meadiciona.com.rodrigoparobe, o pessoal do pBlog, do wordpress-pt_BR, do Infopod, e dos portugueses, já mais experientes na rede: tiveram a Escola de Sagres.

E porque não dizer, voltem sempre!

Manchete sugerida para o próximo post: Jornalistas iniciantes acham ser blogueiros, mas apenas sobrevive disso, assim como no jornalismo tradicional ocorre tantas vezes fora do estado de São Paulo… jornalista em Minas não tem emprego, e sim um posto de revolucionário na antiga mídia tradicional, venham para cá e sejam bem-vindos, mas vamos com calma.

Publicado por

Diego Lopes

Graduado em admnistração pela UFV, atua na como coordenador de projetos web há mais de dez anos. Já trabalhou em 3 empresas no Vale do Silício e gerenciou mais de 1 milhão no Google Adwords e 100 mil dólares no Facebook.

3 comentários sobre “Campus Blog: o embate da mídia tradicional com a digital, só tem jornalista!”

  1. Olá, Diego!
    Bom, esse post foi realmente um crítica de nível Arnaldo, continue escrevendo bêbado! rs
    Pois então, os palestrantes de todas as áreas da CParty estavam meio ‘despreparados’, poucos eram realmente bons. Sem falar que as palestras estavam em péssimos locais, porque era um ‘barulheira’ tremenda!
    Eu assisti algumas palestras, gostei mais das palestras do Yahoo, principalmente sobre música, foi bem feita – claro que nesta tinha um jogo de marketing por trás… rs.
    Porém, esses palestrantes estavam em péssima situação lá, não tinha nem como criar algo decente, e a CParty não convidou nenhum palestrante demais nessas áreas, os mais baratos entram, só para dizer: “Ah, tivemos palestras disso e daquilo”.
    Boa sorte neste último dia na CParty!
    Abraços, Fernando.

  2. Puts, num brinca que os palestrantes foram pagos?! Jura?! Sério msm, achei que tivessem só atrás de mídia sei lá, difçil de acreditar que alguém pagou praquilo. Eu teria feito uma palestra bem melhor em troca de um linke no site do Cparty! E pode deixar que vou continuar bebendo sim hehehe, grd abço!

  3. Então, não sei se todos foram, mas falei com alguns (um do Yahoo e uma moça que quase quebrou tudo pela desorganização), ambos disseram que ganharam, mas acho que ambos eram do Yahoo, a moça tinha no notebook com um adesivo de segurança do Yahoo, mas não estava vestida com camiseta do Yahoo nem nada. Disseram que o que eles ganhavam era pouco.
    E a moça que brigou disse que foi o evento quem pagou as passagens aéreas dela, mas não valeu a pena, que ela só se stressou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *