Como configurar o WordPress para funcionar “quase” perfeitamente com o plugin wp_oneinstall

Já escrevi num post anterior sobre alguns plugins que permitem oferecer ao cliente uma plataforma sempre atualizada, com o menor trabalho possível e ocupando o menor espço possível no servidor. O que permite esta façanha é o plugin wp_oneinstall, com este plugin é possível rodar vários sites sobre apenas uma plataforma, mas para se fazer isto sem muitos problemas é preciso saber algumas coisas.

Plugins que geram arquivos como o Global Translator e o Hyper Cache e não permitem escolher um caminho absoluto para armazená-los, não funcionam em harmonia com o wp_oneinstall, pois já pensou todos os arquivos gerados por todos os sites que rodam sobre a mesma plataforma armazenados apenas em uma pasta? Não rola!

Porém paratodas as outras coisas na vida dá-se um jeitinho. Se você não usa os plugins citados acima, mas usa o NextGen, o Google Sitemaps e usa o upload de imagens nativo do WordPress você deve configurar o caminho absoluto onde os arquivos gerados por estes plugins devem ser guardados.

O Google Sitemaps, gera um arquivo XML que por padrão fica na raiz da instalação do WordPress, sugiro que seja guardado em wp-content/sitemap/nome-do-site.

O Global Translator gera arquivos de tradução por padrão na pasta wp-content/gt-cache, sugiro adicionar /nome-do-site dentro da pasta gt-cache.

As imagens enviadas pelo gerenciador de imagens nativo do WordPress, por padrão são armazenadas em wp-content/uploads, sugiro que adicione a pasta /nome-do-site no caminho absoluto, isto é setado em configurações>mídia.

Por fim, o NextGen armazena suas galerias dentro de wp-content/gallery, sugiro também adicionar /nome-do-site dentro da pasta gt-cache.

Mas eu estou planejando tentar conseguir aporte de capital de risco na Campus Party para investir em software livre, e se eu conseguir a primeira remessa será investida para melhorar os plugins Hyper Cache e Global Translator para fazer com que eles rodem em harmonia com o plugin wp_oneinstall.

Publicado por

Diego Lopes

Graduado em admnistração pela UFV, atua na como coordenador de projetos web há mais de dez anos. Já trabalhou em 3 empresas no Vale do Silício e gerenciou mais de 1 milhão no Google Adwords e 100 mil dólares no Facebook.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *